Boa noite! Hoje é Domingo.
21 de Janeiro de 2018 - Hora Local 18:15h

Notícias

13-11-2017 Lançamento da campanha “Doe sangue, salve vidas” dobrou o número de doadores no município


A Campanha “Doe sangue, salve vidas”, lançada pela Secretaria de Saúde em junho deste ano, fez com que o número de doadores de Maripá dobrasse em relação ao ano anterior. Do lançamento da campanha até o momento, mais de 130 pessoas fizeram sua doação.

A campanha tem o objetivo de sensibilizar novos doadores e fidelizar os já existentes para diminuir o número de reposições que o município deve fazer que, na época, estava em torno de trezentas.

Para a secretária de Saúde, Andréia Bento Maria Scudeller, o número é expressivo, porém a necessidade de mais doadores pelas Unidades de Coleta de Sangue de Cascavel e Toledo ainda é grande, visto que os estoques estão baixos. “A busca por doadores é constante, pois ainda não se encontrou um substituto para o sangue humano e apesar do número ser satisfatório, precisamos da colaboração constante, pois mensalmente temos munícipes que recebem transfusões de sangue”, pontua.

A Secretaria de Saúde incentiva os doadores por meio da disponibilização de transporte. “Uma só doação que você faz pode beneficiar até quatro vidas. Pensando nisso, todos têm um papel importante quando o assunto é doação regular de sangue”, conclui a secretária.

Há novas coletas agendadas para o dia 22 de novembro, para doação em Toledo, com saída às 12h30 em frente ao Centro de Saúde. No dia 1º de dezembro, a doação será em Cascavel, com saída às 6h30. Os interessados devem entrar em contato com a equipe da Clínica da Família pessoalmente ou pelo número (44) 3687-1506.


DIA NACIONAL DO DOADOR VOLUNTÁRIO DE SANGUE - No dia 25 de novembro comemora-se o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue. Desde já, a Secretaria de Saúde parabeniza a todos que lutam por esta causa. A homenagem foi instituída pelo Decreto n.º 53,988, de 30 de junho de 1964, pelo então presidente Castello Branco.

A data enaltece o sentimento da solidariedade humana e homenageia os doadores representados pela Associação Brasileira de Doadores Voluntários de Sangue.


QUEM PODE DOAR? - Para doar sangue é necessário seguir algumas regras, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Alguns dos requisitos básicos são:

• Ter entre 16 e 68 anos;
• Ter acima de 50 quilos;
• Não ter Hepatite B, Hepatite C, Doença de Chagas, Sífilis, HIV (AIDS), HTLV;
• Estar bem alimentado e descansado;
• Se estiver gripado, esperar no mínimo sete dias para poder doar sangue;
• As grávidas devem esperar entre 90 e 180 dias após o parto para doar sangue;
• Após uma doação de sangue as mulheres devem esperar 90 dias para voltar a doar, enquanto que os homens devem esperar no mínimo 60 dias.

Para mais informações, os interessados podem entrar em contato com a equipe da UBS (Unidade Básica de Saúde) mais próxima.