Bom dia! Hoje é Quarta-Feira.
21 de Abril de 2021 - Hora Local 10:48h

Secretaria do Trabalho e Assistência Social

24-02-2021 Secretaria de Assistência Social recebe visita do Escritório Regional de Toledo


Nesta terça-feira (23), a vice-prefeita Janaína Müller Geraldi e o secretário de Assistência Social, Andrei Maurina juntamente com toda a equipe da Secretaria receberam a visita da assistente social do Escritório Regional de Toledo da Secretaria da Família e Desenvolvimento Social do Estado do Paraná (SEDS), Bruna Vieira Moreira. Ela é a técnica responsável pelo assessoramento do Município de Maripá, que fiscaliza e monitora os Incentivos Financeiros recebidos do Governo Estadual.

Durante a conversa, foram abordados vários assuntos relacionados à área social do município, traçando estratégias para melhorar ainda mais os serviços ofertados. “Estamos nos inteirando de toda a dinâmica da Secretaria, dos programas sociais e sabemos da importância dessa área, ainda mais neste momento de pandemia pelo qual estamos passando”, afirma o secretário de Assistência Social, Andrei Maurina.

“Também estamos retomando com a maioria das atividades, como as reuniões do PAIF e Bolsa Família, o projeto Karatê Campeão e as reuniões dos conselhos municipais com todas as medidas de prevenção à Covid-19, exceto com as atividades que envolvem a terceira idade, por se tratar de grupo de risco”, pontua o secretário.
DEMANDA CRESCENTE – De acordo com dados apresentados pela equipe da CRAS, a procura pelos serviços de assistência tem aumentado no último ano. O número de beneficiários do Bolsa Família, por exemplo, passou de 75 em fevereiro de 2020 para 110 em fevereiro deste ano.

Para a vice-prefeita, Janaína Müller Geraldi, o reflexo da pandemia está sendo notado em diversos setores, que passam a demandar da assistência social. “Maripá sempre teve uma realidade muito boa neste sentido, o que demonstra que somos um município bem desenvolvido e com uma boa qualidade de vida para as pessoas, mas já percebemos o aumento da evasão escolar em decorrência da pandemia e, depois que a questão em saúde for solucionada, a necessidade dos serviços da assistência será ainda maior. Por isso da importância de uma equipe estruturada, capacitada e apta para enfrentar estes desafios e atender a população que está buscando esse auxílio em um momento de vulnerabilidade”, ressalta a vice-prefeita.